top of page

Os "Wolf Warriors" e a diplomacia agressiva chinesa.


Figura disponível em: https://www.rfa.org/english/cartoons/china-wolf-warrior-cartoon-06012020163820.html/RP_WW060120E-1000.jpg/@@images/image

Nesse artigo tentaremos abordar a mudança na diplomacia chinesa, que ficou marcante com a ascensão de Xi Jinping ao poder.

Desde que o atual líder chinês assumiu o poder, ele tem perseguido atingir a meta do "sonho chinês"até 2049, que seria ter um país próspero e com segurança, conforme explicado no nosso artigo "Dragão sonhador ou dominador?", disponível em https://www.atitoxavier.com/post/dragão-sonhador-ou-dominador, onde falamos que o significado do "sonho chinês"seria de que o país será respeitado globalmente, sua população viverá com qualidade de vida e nunca mais passará por humilhações, e que se todos trabalharem duro esses objetivos serão alcançados. Por isso, vemos um grande desenvolvimento em todas as áreas e um sentimento nacionalista chinês crescente, o que gera no mundo uma grande apreensão e espanto. Tal lógica pode ser relacionada com os ideias estadunidenses do passado e o pensamento calvinista. Porém, seria somente isso, ou a China aspira ser uma superpotência dominadora? Nesse cenário uma meta chinesa ambiciosa, que visa atingir o "sonho chinês", é conhecida como a nova rota da seda, que está sendo um dos maiores planos de investimento da história mundial e que conectará a China a vários mercados mundiais, por meio de construção e melhorias de rodovias, ferrovias, portos gasodutos, oleodutos etc, se aproveitando das fragilidades econômicas vividas pelos países europeus e exercitando o seu soft power.

Para tanto, tem adotado uma política assertiva de amplo espectro, seja nos campos econômico, militar, bem como na política externa. Destarte, o Blog vem analisando a China em sua Seção China, acessível em https://www.atitoxavier.com/my-blog/categories/china.

Dessa forma, vimos também o uso da diplomacia cultural, com uma profusão de filmes, séries e centros culturais espalhados em várias cidades no mundo, com o intuito de divulgar uma imagem da China forte, respeitável e de sucesso. Dentre os filmes sobre a assertividade chinesa, destacou-se a sequência do Wolf Warrior, ou Lobo Guerreiro, iniciada em 2015, que teve um grande sucesso na China e na África. O roteiro do filme está alinhado com o "sonho chinês", pois tenta construir uma imagem de nação forte com espírito aguerrido, demonstrando assim um viés político, e que em certa medida possui semelhanças com o que os EUA fizeram e ainda fazem com as suas produções cinematográficas.

A mudança na diplomacia chinesa pode ser melhor percebida por ocasião do governo de Donald Trump, que buscou uma maior confrontação com a China, realizando acusações sobre a origem da Pandemia da COVID-19, guerra tarifária, dentre outras formas de tentar evitar o protagonismo chinês na arena internacional.

Nesse sentido, começamos a ver uma postura mais agressiva dos diplomatas chineses, mudando a forma conservadora e silenciosa com que a China aplicava a sua diplomacia. Sendo assim, verificamos um modus operandi padrão por parte dos representantes da política externa de Pequim, e que se alinha as orientações de Xi Jinping, que concitava a terem um "espírito de luta"em prol da imagem da China e de seu lugar no mundo, bem como no atingimento de seus objetivos geopolíticos. Tais orientações vão ao encontro do "sonho chinês"explicado anteriormente.

Convém mencionar que a diplomacia chinesa vinha mudando paulatinamente para uma postura mais firme desde 2010.

Nesse diapasão, vários analistas começaram a chamar os diplomatas chineses de Wolf Warriors, bem como cunharam o termo Wolf Warrior Diplomacy, devido a postura assertiva e aguerrida deles, que respondem da mesma "moeda" a qualquer acusação à China, defendendo a imagem do país, o que não é usual no mundo diplomático. Assim sendo, têm chamado a atenção nas redes sociais, pois as utilizam com frequência, como o Twitter, em suas manifestações, que muitas vezes possuem um tom coercitivo e ameaçador.

A referida postura, em nossa análise, tem tido um efeito colateral na imagem chinesa no mundo, pois vemos um aumento da sua rejeição, principalmente durante o auge da pandemia da COVID-19, e do sentimento de apreensão internacional contra as suas reais intenções de parceria. Porém, no campo interno, também em nossa opinião, tal postura fortalece Xi Jinping, e o nacionalismo chinês.

Outrossim, o governo chinês alega que a atual diplomacia seria uma resposta mais contundente contra as injustas acusações ao seu país, ou seja, seria como se fosse um "basta" as intenções de humilhar ou de macular a imagem da China perante o mundo.

Figura disponível em: https://dailybrief.oxan.com/g/oxweb/GI254191/2020-07-28-EUROPE-China-views_1000.png
Figura disponível em: https://cdn.substack.com/image/fetch/f_auto,q_auto:good,fl_progressive:steep/https%3A%2F%2Fbucketeer-e05bbc84-baa3-437e-9518-adb32be77984.s3.amazonaws.com%2Fpublic%2Fimages%2Fc240d81b-5b0d-4b84-be4d-45716a3345a8_1456x1045.png
Figura disponível em: https://www.pewresearch.org/global/wp-content/uploads/sites/2/2019/12/PG_2019.12.05_Balance-of-Power_2-07.png

O Blog é de opinião de que a Wolf Warrior Diplomacy é uma manifestação chinesa de sua afirmação como uma potência relevante no mundo, e que seria uma resposta assertiva a tentativa de seus adversários de conter as suas aspirações da busca do "sonho chinês", que poderá torná-la na potência hegemônica do século XXI.

Outrossim, em nossa análise, a postura da sua política externa dificultará o atingimento de seus objetivos geopolíticos, em virtude do aumento da rejeição chinesa por parte da comunidade internacional, que poderá ensejar o aumento de formação de alianças militares e comerciais para fazer frente ao expansionismo chinês.

Nesse cenário, o nosso país já foi alvo dessa diplomacia, por diversas vezes, e que acabou influenciando no processo de implantação da tecnologia de 5G.

Qual a sua opinião? Você acha que a forma da atual diplomacia chinesa tem aumentado a rejeição da China no mundo? Você concorda com o uso da Wolf Warrior Diplomacy?

Seguem abaixo os vídeos para auxiliar em nossas análises:

Matéria de 19/03/2021:


Matéria de 31/10/2020:

Matéria de 26/05/2020:

Matéria de 08/06/2020:

Matéria de 27/05/2020:

Matéria de 23/03/2021:

Matéria de 30/06/2021:

Matéria de 26/05/2020:

Matéria de 24/06/2021:

Matéria de 04/05/2021:




コメント


bottom of page