top of page

Agronegócio brasileiro e sua importância geopolítica


Figura disponível em: https://feedfood.com.br/assets/uploads/noticias/asn-1574862586.jpg

O Brasil é um grande produtor e exportador de alimentos mundial, sendo esse um ponto forte do nosso país. Graças as pesquisas e as tecnologias desenvolvidas pela EMBRAPA, nos transformamos em uma ameaça a alguns países que dominavam a produção de alimentos, pois temos conquistado cada vez mais esse mercado, tornando-nos extremamente competitivos.

Neste sentido, é normal esperar que haja retaliações econômicas e imposição de barreiras (tarifárias, sanitárias etc) pelos governos afetados com os nossos produtos. Um exemplo é o possível acordo entre os mercados da União Européia e do MERCOSUL que ainda depende da aprovação pelos congressos dos países membros, onde já há sinalização que haverá grande dificuldade na aprovação, devido ao lobby dos agricultores franceses. Os EUA utilizam seu poder político e econômico para tentar criar dificuldade aos nossos produtos.

Além das dificuldades citadas aos nossos produtos, existem alguns países que se aproveitam da problemática da emergência climática para acusar o Brasil de produzir os seus alimentos de forma inapropriada e politicamente incorreta, por meio do desmatamento, destruindo a fauna e flora, notadamente na Amazônia. Isso requer toda a seriedade, pois como estudamos em postagem anterior sobre soberania, ela está em transformação, e vários motivos podem ser apresentados para questioná-la.

Tal fato tem gerado uma opinião mundial, e por vezes em parcela da sociedade brasileira, muito desfavorável ao nosso país, e com isso pode ensejar um possível boicote ou imposição de pesadas tarifas aos nossos produtos. Sendo assim, devemos primeiro apurar tais acusações antes de considerá-las como verídicas, e corrigir os reais problemas.

Esse é um trabalho muito importante e que impõe seriedade, bem como requer os esforços dos setores produtivo, diplomático, econômico, jurídico, segurança e científico.

A análise do tema é fundamental para que o Brasil possa se posicionar mundialmente, e traçar estratégias para continuar dominando esse mercado competitivo, ainda mais no mundo em que existe uma demanda por alimentos cada vez maior, pois isso é fundamental para a segurança alimentar dos países.

Convém mencionar que o agronegócio é um dos principais elementos que mantêm a nossa economia funcionando, bem como deve ser motivo de orgulho da nossa sociedade, pois é o setor em que somos dominantes, e que impomos respeito no mundo. Dessa forma, o Brasil tornou-se um ator estratégico como produtor de alimentos.

Segue alguns vídeos para auxiliar as nossas análises (legendas podem ser inseridas):









Qual a sua opinião? O que devemos fazer para continuarmos sendo estratégicos na produção de alimentos? Você sente orgulho do nosso agronegócio?

bottom of page